Denilton Silveira de Oliveira

Denilton Silveira de Oliveira

Cristão, Esposo, Pai e Professor por vocação, Denilton apresenta o seguinte resumo em seu currículo:

Formação acadêmica:
- 1983 - 1986 - Bacharel em Teologia - Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil, RJ (8º período);
- 1988 - 1995 - Licenciatura Plena em Educação Física - UFRN;
- 2002 - 2003 - Especialização em Telemática Aplicada a Educação - UFRPE;
- 2005 - 2006 - Especialização em Gestão de Tecnologia da Informação - UFRN;
- 2010 - 2011 - MBA Executivo em Gestão Pública. Fundação Getúlio Vargas - FGV, RJ;
- 2008 - 2011 - Bacharel em Sistema de Informação - FARN/RN;
- 1980 - 1981 - Formação de Sargento - Escola de Especialista de Aeronáutica - EEAer;
- 2009 - 2010 - Programação avançada em Java (370 horas) SENAC - RN;
- 2009 - 2009 - Gerenciamento de Atividades de Ensino a Distância - FGV, RJ;
Atuação Profissional:
- 1980 - 1998 - Força Aérea Brasileira -Vínculo: Servidor Militar, Enquadramento Func.1º Sargento;
- 2000 - 2006 - Vínculo: Servidor Público, Enquad. Funcional: Professor Multiplicador - SEEC e SME;
- 2006 - 2011 - Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Gerante de Projetos. Atividade desenvolvida: Coordenação do Projeto de Inclusão Digital do Governo do Estado / EMATER: Escola de Inclusão Digital e Cidadania - EIDC.
- 2011... - Vínculo: Servidor Público, Enquad. Funcional: Professor Multiplicador - SME;
- 2012... - Vínculo: Servidor Publico, Enquadramento Funcional: Professor Formador - IFESP-Instituto de Educação Superior Presidente Kennedy.

MEC divulga indicadores para acompanhamento

de metas do Plano Nacional de Educação

19:08:50   

Acesse a matéria no site de origem e deixe seu comentário


 Na última quarta-feira (30/09), o Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgaram os indicadores que deverão ser utilizados para verificar o cumprimento das metas e estratégias estabelecidas no Plano Nacional de Educação (PNE – Lei Federal 13.005/14).

De acordo com divulgação do MEC, o objetivo do documento que é chamado como Linha de Base do PNE é subsidiar instâncias de controle, como as comissões de educação da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, além do Conselho Nacional de Educação (CNE) e do Fórum Nacional de Educação”

Além disso, segundo o Ministério, os dados analisados servem como referência para a observação de fatores como desigualdades regionais, raça e cor, renda e sexo, além de diferenças educacionais entre as áreas rural e urbana. “O trabalho subsidia a tomada de decisões institucionais”, disse o presidente do Inep, Chico Soares. “São indicadores que nos permitem verificar que grande parte das desigualdades persiste, mas vêm diminuindo”, avaliou. (Clique na imagem abaixo e acesse o documento)

PNE_linha_de_base

 

Acompanhamento bianual

O monitoramento e avaliação do PNE devem se intensificar de dois em dois anos com a realização, entre outras coisas, da divulgação de dados mais aprofundados acerca da trajetória dos indicadores das metas do Plano. Estes estudos a serem publicados a partir de junho de 2016, devem considerar os três níveis federativos (União, estados e municípios) e os grupos sociais prioritários para o Plano.

Segundo o texto do PNE, é o INEP quem deve realizar os estudos para aferir a evolução das metas e estratégias do Plano, subsidiando seu monitoramento e avaliação, além da análise de seus impactos.

Site com videoaulas gratuitas busca fomentar a elaboração de papers científicos de alto impacto e com maior relevância

EPC - Maio 2015 - Ministério Fé Cristã

Ozio Gallery made with ❤ by joomla.it

Boletim Informativo

Certifique-se de que você não perca acontecimentos interessantes ao se juntar ao nosso programa de newsletter.

 

Junte-se a nós...

Nós também estamos nas redes sociais. Síga-nos!